Resumo a meia campanha!

26 de Abril. Tipicamente colocam-se as últimas alças. Mas tudo atrasou tanto que há apiários a levarem agora a primeira ronda.

A Sul, tudo bem embalado, pena 2017 nos ter presenteado com ano tão horroroso, a haver mais perdas do que seria suposto a repôr a que se soma o aumento de efetivo. Tal como em 2016 é uma época que se inicia demasiado tarde, com colmeias que até vinham embaladas mas que sofreram horrores nestas 7 semanas de muito mau tempo…e que agora sim, entram consistentemente nas alças e em modo canhão!

Há muita diferença entre as melhores colmeias e as restantes, e não me admiro nada se tal como em 2016 houverem no final muitas colmeias com 4, 5 ou 6 caixas de mel…e houver outras tantas sem nenhuma. Com os apiários a parecerem montanhas Russas. Não gosto…mas gramo com muito menos queixas de São Pedro do que no ano anterior.

Varroa, faz tempo que não lhe sinto o cheiro, com as amostras (excepto as dos apiários MPB) a virem a zero. Zangão limpo! Suspeito que o mau tempo que fez com que as colmeias que deitaram práticamente todas o zangão selado para a rua, antes dele nascer, e que até em muitos casos paráram por 2x a postura ou canibalizaram a cria aberta naquele grande aperto…e muita da varroa também não aguentou.

Menos mau que agora quase todas as colmeias capazes têm os ninhos desbloqueados, tendo eu colocado ovos na posição 1 e 10, garantindo 3 semanas desbloqueadas, também com a ajuda de 2as lâminas na posição 4 e 7. Pólen abunda, meias alças a serem puxadas depressa e já muitas compostas de néctares de trevo e laranjeira.

Mas vem novamente frio (13ºC previstos aqui para o meu cimo de mundo) e uma nova rega. O que quer dizer…3 dias de regresso ao bolo de inverno durante toda a noite e a 3 dias práticamente sem entrada de pólen. Foi por isto que não colectei pólen!…ou iria pagar a fatura logo de seguida, visto que só agora as reservas de pólen estão a 100% e há pelo menos 4 ou 5Q  forrados de cria aberta, com raínhas a colocar ovos em modo WARP!!

Esperemos pois que a soma das colmeias crescidas dê uma bela carrada de tambores de mel!

Quanto às raínhas, há agora uma leva delas a iniciarem postura. Fecundadas e criadas com a qualidade devida. São raínhas híbridas de Estalo!

Agora iniciei a feitoria das puras…ontem 50, com 46 iniciadas. Hoje 80 e amanhã novamente 50. Correndo bem, são realeiras suficientes para que os apiários do centro voltem a ter raínhas puras…para darem zangão a 2019.

De seguida a este mau tempo, farei algumas ibéricas para a periferia e híbridas da linhagem de pólen. Siga a bomba!

Anúncios
Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

25 de Abril!, liberdade até para a Raínha.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Rotulagem do mel!

Já passou um ano e meio desde que o protesto que fizémos em frente ao Ministério da Agricultura, resultou depois na recomendação da Assembleia da República para que o nosso Governo, nomeadamente o Sr. Ministro da Agricultura, coloque em prática a recomendação feita.

RECOMENDAÇÃO

Assim e no âmbito desta recomendação, entrei novamente em contacto com quem nesse dia nos recebeu.

Por parte do Deputado Nuno Serra (desculpem mas não menciono partidos pois este assunto nada tem que ver com opções partidárias), obtive de imediato resposta, que passo a transcrever em parte;

Olá Afonso, a assembleia já enviou tudo para o Governo

Já por parte do Ministério da Agricultura, e tendo eu contactado via e-mail alguém do gabinete do Sr. Ministro com o seguinte e-mail, o qual foi lido no próprio dia, e que passo a transcrever em parte;

Assim, estou neste momento a preparar um conjunto de post’s sobre a rotulagem e sobre o que ocorreu durante este ano e meio.
Procuro assim não ser injusto com ninguém, tendo falado com o Deputado Nuno Serra do PSD, e tentando agora estabelecer contacto direto com o gabinete do Sr. Ministro.

Assim, peço se me indica em que estado está o seguimento da recomendação feita pel Assembleia da República sobre a rotulagem do mel?

Estou pois a morder-me bastante para não ser mais àcido com os responsáveis governativos. Tendo este e-mail sido enviado a 10 de Abril, dei 2as semanas até finalmente fazer o Post.

Portanto, venho desta forma pedir à FNAP e à FENAPÍCOLA que, caso entrem em contacto com este post, se pronunciem. Pois esta é época alta para o apicultor…e caso saia a lei antes da campanha ser enfrascada, todos beneficiariam.

Se nada for feito até à nossa Silly Season…proponho já o Mês de Novembro para voltarmos ao Ministério da Agricultura. Desta vez em maior número!!

Pobre AR…parece que ninguém te Liga!!

AR

 

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Patinho feio!

O Sul é assim, com anos em que a chuva vem…são 9 meses de miséria farta mas quando vem a melada, esta entra de estocada e em força.

Estou este ano pasmo!, pois o rosmaninho, tal é a rega, está a lançar novas cabeças que só entrarão em flôr dentro de 4 semanas. Está uma verdadeira loucura! Junta-se a crisanda, o rosmaninho, flores que desconheço o nome, urzes, trevo branco, soagem.

As colmeias atrasaram um pouco com a chuva…mas vêm agora em força, com as melhores a apresentarem os 10Q do ninho e 4Q da meia alça forradinhos de cria.

Apenas uma ou outra tenta enxamear. Estão desbloqueadas.

O pólen abunda, mas com a humidade não entra como devia. No entanto é suficiente!

Exif_JPEG_420Exif_JPEG_420

Em cada bancada no entanto, podemos sempre encontrar um patinho feio…há sempre uma ovelha ranhosa que destoa da norma.

Na próxima visita devo levar raínhas no bolso, realeiras e tudo o que há direito! Porquê, pois é hora de renovar tudo.

De amanhã em diante farei diáriamente realeiras…a hora chegou, a jumidade pede isso mesmo, a temperatura está a subir e os golpes de frio devem ter ido embora. Condições que se reúnem a zangão bem tratado e formoso.

Assim, espero de em 3 semanas ter uma montanha de núcleos feitos, para mim e para entregar aos clientes…prontinhos! E ter todos os patinhos feios partidos a meio, cada qual com a sua nova monarca. E ainda, substituir tudo o que é raínha em tudo o que é apiário…coincicindo esta acção com a entrada das excluidoras e com a última dose de meias alças. Este ano é 2as semanas mais tarde do que seria suposto. Hora pois de muito e bom trabalho…planeado!

Portanto a Sul, espera-se mais 1a meia alça por colmeia…na última visita que farei até depois ser hora de cresta (para finais de junho).

Fotos do DOmingo, 22/04…de um 2018 que promete muito mel bem clarinho, de trevo e rosmaninho. Mel mais maravilhoso que conheço, o de trevo branco. Talvez apenas superável pela melada das frutas.

Publicado em Uncategorized | 10 Comentários

De lusco até fusco!

Dias longos estes de sol e Primavera…de manhã sai-se de casa ainda o céu está Lusco

Tudo o que é planta está atrasadíssimo…, e nestes dias de corpo dorido a vidinha  começa bem cedo.

Na 4a feira os ninhos já exibiam novamente bastante pólen e néctar, mas o aperto foi tal que demoraram 5 dias de colheita a repôr as reservas da massa viva e as reservas de ninho.

Agora, de 4a em diante deu-se a subida às meias alças em tudo o que é colmeia forte. A Sul tudo está mais adiantado…nem tem comparação com o meu “Cimo do Mundo”. Mas aqui a ervilhaca atrasou, ainda há azedas, mas já começa o trevo doce e o branco. Vai ser rápida e forte a melada!!

Como se vê, figueiras, noqueiras e vinhas a brotar. Cerejeiras ainda a meia floração a 20 de Abril.

Exif_JPEG_420

Nesta altura aprendo com os Egípcios como fazer pirâmides, carregando a carrinha com pouco peso mas muito volume! E é uma alegria quando se chega ao fim de tarde com o material a ter ficado todo no campo.

Apanham-se enxames durante a volta, deixam-se meias alças nas colmeias, renovam-se ceras dos ninhos. E como se vê na foto de cima, já se começam a fazer núcleos para os clientes. Também eles, tal como as plantas com 1 mês de atraso.

Corpo suado, barriga cheia de àgua.

É tempo de voltar a carregar para o dia seguinte.

Exif_JPEG_420

Chegamos a casa e está já Fusco!

É assim…dia após dia…após dia!…sempre que são pedro permite.

Boa Noite! Até amanhã…

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

O futuro do zangão!!

Chegou a hora,

E eis que vos apresento o futuro do meu zangão…

Exif_JPEG_420Exif_JPEG_420

É assim mesmo!

Sonharam fecundar pricesas, eram aos montões…e de repente só ficaram os das melhores colmeias.

Os restantes “Carros vassoura”, fazem broas… e como são zangãos de “Tomates” com letra maiúscula…então nada melhor que serem integrados na terra onde na próxima semana entrarão os tomateiros de 2018.

Boa troca!!  😉

Nas tábuas de zangão que deixo nas colmeias, procuro ao abrir meio cento deles ver como está de varroa. E assim, se controla o crescimento da varroa, se estruma a horta com belo zangão fazedor de minhocas (que são aos montões) e por fim ficam uns lindos blocos de cera!

Exif_JPEG_420

Publicado em Uncategorized | 3 Comentários

Done Deal!

Hoje, a Sul, saí de gatas…numa maratona de mais de 7 horas a abrir colmeias, encontrar raínhas, meter alças, apanhar enxames. Foi menú completo!

Venho de rastos…mas amanhã posso dormir a manhã na cama!! “Psst…até o despertador tocar as 6:20!”…lol

O retrato com S. Pedro está tirado, e o acordo para um bom ano de mel a Sul também. A dúvida agora é se será bom ou excelente. Dependerá apenas e só da temperatura.

Hoje o mundo inteiro parecia querer enxamear, e cheguei in-ex-tremis, evitando a perca de 3 enxames. E tendo trocado depois suor por mais umas alças de mel!

Os 2 apiários estão pois compostos e só muito difícilmente não chegarão na viragem do mês à capacidade máxima pela primeira vez. Serão 120 belas colmeias entre ambos os espaços.

Se a entrada em Alcochete me for autorizada…farei o mesmo, esperando ficar já com tudo cheio…também será uma estreia. Mas temo ter de ir debaixo de chuva dentro de dias…ossos e preço de um local fechado e muito guardado!!

Hora pois de arrancar com realeiras…4a e 5a espero colocar cerca de 100 ao lume…já tenho as criadeiras em vinha d’alho!!

Sem fotos desta vez. Mas no regresso apenas 1a meia alça, a roçadora e os quadros de zangão pra caldeira e prás galinhas.

Assim só falta mesmo encher o novo apiário, e levar 2 ou 3 núcleos que faltem em algum outro! É pois tempo de começar a fazer os núcleos para os clientes.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Resumindo sem concluir.

Este mau tempo tem-se prolongado muito muito mais do que seria suposto.

Ontem finalmente as abelhas saíram em força e as reservas de pólen estão de novo Ok. Já néctar e ou mel nas colmeias é absolutamente zero. E ontem apesar da azáfama os favos não pingavam e havia mesmo colmeias que alimentadas 2x neste temporal estavam a deixar morrer cria por falta de néctar no campo.

Pouco há a fazer, irão recuperar no fim do fluxo mas será tarde para essas poderem produzir algo.

Depois de 1 ano inteiro de Extremos (Abril de 2017 a Abril de 2018), onde quer que (na minha zona) se encontre uma colmeia cheia de abelhas, com reservas e sem cachos de realeiras…já nem peço que seja meiga!…marquem-nas e façam delas reprodutoras!!

Assim o cenário de 2018 repetirá o de 2016, com cada apiário dividido literalmente em 3.

1º 1/3 – As miseráveis – Esperar que encham até meio de Maio, depois nessa altura é partir em 2, matando a raínha e colocando 2as belas realeiras…se não encherem até lá, é matar a raínha e coloca-la morta na gaiola da nova raínha a introduzir.

2º – As doidas – Têm milhões de realeiras, que se apanhadas a tempo (inviável numa grande exploração), com o quadro da raínha mais as abelhas de 4Q batidas para nova caixa….realeiras destruídas excepto uma selada e outra aberta. E é garantia de que caso a vírgem fecunde, são 30kg de mel +  10kg da raínha velha. Excelente resultado…se no fim de Maio se matar ambas as raínhas e no seu lugar colocarmos horas depois 2 belas realeiras de algo melhor.

3º – O que queremos – Este último 1/3 são as fortes que não lhes dá a febre e que mesmo em caso extremo de aperto fazem apenas meia dúzia delas. Têm nos genes a vontade de substituir a mestra a plena campanha, não raramente em fim de maio ou junho. Estas preciosidades de 4 ou 5 ou 6 meias alças (se possível as menos àsperas), são o créme de la créme…e no meu entender têm de doar filhas para todas as realeiras dos primeiros 2 casos.

Faço tudo por tudo por ir identificando as melhores de cada apiário, para no final comparar entre elas. Não retiro o zangão destas colónias. Quero-os para papás.

P.S. – Longe do mar estou a axar difícil trabalhar com as reversível, pois precisam do apicultor com grande proximidade. Do bloqueio à fome  geral é um espaço demasiado ténue. Sobem num instante aos sobre-ninhos ou meias alças mas sofrem muito mais que as Lusitanas.

Há a previsão no horizonte de mais 4 dias consecutivos de chuva já após 4 dias de interregno. E ainda ontem vi fotos de malta que começou ao primeiro raio de sol a tirar pólen. Tem mesmo de ser uma zona diferente…muito diferente desta. Aqui seria o óbito da cria e da esperança na única opção que resta (o mel). Pois o pólen já era, enxames serão pouco mais do que para mim, pois estragaria todo o trabalho que tive. Raínhas é impossível antes de final de Abril com colmeias de novo sem cria de zangão aberta, e seria muito dehonesto da minha parte vender raínhas fecundadas que eu não quereria para mim por fecundarem sob baixa temperatura e com poucos zangãos ou zangão mal alimentado.

Resta o mel!! Para pagar as contas e deixar algo ao apicultor. E o pólen de Outono..

Publicado em Uncategorized | 9 Comentários

Rrrrrr…à continha!

Ui ui ui,

Acabo de ir “à la pata” buscar uns Zangãos para mandar para um amigo afim de ele poder fecundar uma dezena de raínhas na próxima semana.

Apiário de núcleos de 4Q alimentado com meio kg de pasta fez somente 15 dias…e mesmo assim 1a colmeia e 5 núcleos bateram a bota. Dassssse…queima!!

Temo por algumas colmeias de producção, apesar de alimentadas em Novembro, e 2x durante estas 7 semanas.

Uma tonelada de comida gasta a mais do que seria suposto e mesmo assim dizem que foi curto. Mas era impossível fazer mais…poderia era ter feito melhor se em vez de xarope denso (63% de matéria seca) lhes tenho antes oferecido um pacote de 2,5kg de apifonda. Aqui a minha bola de cristal falhou!

Em resumo…e pelo menos aqui nos do “cimo do mundo”, há zangão, há cria selada…cria aberta em mínimos e zangão só selado!

Parece que de há 1 ano a esta parte tem sido apenas sobreviver…

Mas parece que de 3a em diante é mesmo Primavera!…e será hora de sarar todas a feridas e finalmente ver alças a encher.

Vou meter o fórmico ao jeito, levá-lo no regasso, e de 2a em diante aproveitar esta quase pausa de cria de cerca de uma semana para apanhar maior % de varroa no estado forético…e assim com uma só aplicação estourar o máximo dela possível.

As temperaturas estarão ideais, e com 1a meia alça ou 2as, 35ml de fórmico a 60% apenas metido entre as alças e o ninho deve ser garantia de sucesso. Sem que qualquer resíduo fique na colmeia.

Amanhã vou começar a desdobrar as MPB, a trocar raínhas miseráveis e a trabalhar como gosto, com raínhas fecundadas invernadas no bolso do macacão!!  😉 estas são boas de certeza, afinal invernaram e bem o seu núcleo, aguentaram toda esta miséria.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Loch Ness Monter!

Vivo no cimo das montanhas, mesmo assim e na 7a semana de chuva consecutiva, posso “afirmar a pés juntos” que o monstro de Loch Ness se mudou para cá…

Exif_JPEG_420

Na imagem é possível ver um suposto batatal, um par de eólicas (que dizem bem como é o local)…e o aparecimento do lago!

Enquanto ligva a câmera do telemóvel, e como é obvio, o montro fugiu…mas com jeitinho ainda conseguimos imaginar a sua sombra.

O meu primeiro enxame a saír…foi ontem. Avisado por um amigo, lá fui recolher 2kg de abelhas, enregeladas, ensopadas. Ali morreriam hoje!

Assim salvei-as e se a raínha lá estiver, comerá o 1kg de pasta que lhes dei, desenvolverá uma bela caixa…e em seguida…no meu momento “Bruno de Carvalho”, mandarei suspendê-la de toda a atividade, coloco-lhe um processo disciplinar por via de Facebook e despeço-a via twiter (que aliás nem tenho). Aqui enxamífera não colhe apoios! portanto…termina a sua linha dentro de 1 mês (mais coisa menos coisa).

Houvesse um slogan e seria “Mais Mellífera…Menos Enxamífera!

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário