Zangão a Caminho

Hoje vi no apiário que espreitei, os primeiros indícios de haver postura de zangão.

Isto quer dizer que:

Dentro de 3 semanas as melhores caixas estarão nas alças (a melhor já tinha uma alça cheia..mas falo das mais normais, o grosso da coluna), mas também que dentro de uma semana a varroa terá terreno fértil onde ganhar avanço.

Logo… como o meu trabalho é perceber estes momentos antes que eles se dêem, começo a dar coça na varroa nesse preciso momento. 2 dias antes de o primeiro zângão estar selado, e arrancando nos apiários mais quentes para os mais frios que estão sempre atrasados.

Tal implica que: inicie manobras 2 dias antes do que estava previsto, e portanto o fim de semana não o irá ser para mim.

E portanto, seguindo os timings das abelhas, deverei ter os primeiros enxames divididos a 24 de Março, por forma a ter a primeira fornada de zangãos já maduros para as pimpolhas. Estes zangãos são preciosos…filhos apenas e só das raínhas melhores, e criados em ambiente praticamente estéril em varroas.

Há ainda que gastar mais uma palete de pasta, pois as reservas são “abaixo de par” no presente momento, vindo ainda mais chuva a caminho e estando as abelhas em expansão.

Assim se está por cá…

Bora lá….

Produzir.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

É o tempo delas!

É o tempo das abelhas…chegou finalmente o bom tempo!

Há que colocar o despertador em ordem decrescente de contagem, pois dentro de 4 semanas a maior parte das colmeias estarão a abarrotar de cria e de abelhas, o rosmaninho estará 10 a 20% aberto, e haverão os primeiros enxames a serem feitos, as primeiras raínhas a serem enviadas e toda aquela rotina de apicultor a ser cumprida.

Antes disso…tratamento!

Depois nesse momento, mais um knock down aproveitando as pausas de postura.

É que cada varroa que agora morra são menos 40 lá para Julho, e como tal, a diferença de matar 10 a mais ou a menos tem um grande significado futuro. Vale tudo nesse campo, quer seja por àcidos, por homologados ou corte de zangão. O único compromisso neste momento é com as abelhas por não haverem alças a encher e estarmos fora do período produtivo.

Abelhas…abelhas…e mais abelhas.

Count-down para a colza! Count down para o rosmaninho! Count down para todos os mil trabalhos de Primavera.

We are ON!

P.S. – Ainda sei em que dia da semana estou…mas deve ser por pouco tempo.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Ribeiros aos Saltos

Os ribeiros saltaram mesmo fora da margem.

Farto de água até aos cabelos…a verdade é que costuma redundar em ano bom, mas com muitas perdas de colmeias.

Arregaçar as mangas, mandar vir mais uma palete de pasta para as eventualidades e pensar que estamos a 1 mês de acartar lenha da porta para fora.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Cai o Céu.

Está preto como breu. Vento e com ar de quem quer tombar sobre nós.

Cai o céu…com 45 mm de água previstas para as próximas 48h. É o equivalente a toda a água do balde da esfregona cair por 2 vezes sobre a mesa cá de casa…isto em cima de chão já bastante ensopado, apesar de um pouco escorrido nesta semana que passou.

A falta que já me faz o sol…a mim e à abelhas. Às plantas e às flores.

Nada a fazer…é aguentar.

Estou extraordinariamente positivo com a melada a Sul do Tejo, apesar de as abelhas estarem fracas e portanto ir coincidir o fluxo com a vontade de enxameação. São feeling’s.

Por aqui, não há o que fazer com elas…nem há como lhes chegar antes de 2as semanas realmente enxutas e amenas.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Um comboio chamado Março!

Ou saltas para o comboio…ou só dentro de um ano passará o próximo.

Março é o comboio que leva as abelhas até á Primavera. Elas sentem-no…e desdobram-se em esforços para entrar nesse comboio já com meia caixa de cria, afim que dele possam saír ou penduradas numa árvore ou às cavalitas do apicultor.

Assim encontrei hoje os pequenos reversíveis, já com a cegueira do pólen instalada mas com energia a ter de ser por mim fornecida. Pequenos enxames mas em transformação…já com muita cria aberta ao tocar das ripas. Significa isto que o volume mínimo de abelhas já se deu, e estamos a dias de ver um forte incremento nos nascimentos que levarão o enxame a suar e a estender-se até aos limites da caixa que o alberga no espaço de apenas 3 a 4 semanas.

Estamos pois a 1 mês de iniciar manobras de aumento de efetifo. Num ano em que o Inverno foi Inverno mesmo e em que as flores estão 2 a 3 semanas atrasadas. As abelhas também o estão.

Gosto particularmente de anos em que tudo esteja ensopado, pois apesar das angústias iniciais…costumam redundar em boas campanhas de méis claros.

O tratamento da varroa tem de ser feito um pouco antes do esperado. Assim ditam as abelhas. E portanto mal passe a chuva é chegada a hora.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Edge Bee Buzz

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Última carga!

3 noites de estrada…

Já em descarga…tenha calma Sr Joaquim que já vou

Mas já lá estão todas. Estas foram as últimas. Pena a chuva que aí vem…nem bom para nós nem para o dono do pomar.

Até ao fim do mundo…
Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Aí vamos nós…

Eu, as minhas abelhas, o meu pai e um par de bons amigos…partimos esta madrugada para que mais um cento de ha de amendoal Alentejano possa produzir as tão desejadas amêndoas que farão delícias nos bolos do próximo ano, leite de amêndoa e muitos outros produtos.

Finalmente o sol chegou…e com ele as abelhinhas estenderão o seu ninho poderemos dentro de 3 a 4 semanas começar novamente a pensar em envios de raínhas, desdobramentos e novos assentamentos.

Já estou como os Sportinguistas!!, este ano é que é!!

Os sonhos de que cada flor tenha em si a oferta de 1kg de mel, e de que apareça finalmente uma colmeia que trabalhe de dia e de noite também.

Este ano é que é!!

Ou talvez não…

Mas sou apicultor, e os apicultores acreditam nas suas abelhas…nas suas flores…no ano ideal que aparece 1a vez na vida…se a vida for longa!!

Mas este ano é que é!!

Ou talvez não…

E não é que este ano o Sportinga vai mesmo na frente, muito à frente…então porque raio não haveria eu de acreditar nas minhas lindas abelhas!! e em milagres!!

…este ano é que vamos deixar os apicultores Canadianos com as suas pífias médias de 70Kg por colmeia a roerem-se de ciúmes.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

1a Carga

Já estão todas a pernoitar em cima de taipais.

Amanhã acordam no Amendoal.

Infelizmente tive de carregar caixas que não estavam destinadas à ida. Isto porque os acessos aos apiários estão impraticáveis, há paredes caídas com o peso da àgua que agora escorre mas que necessitaria de mais 5 ou 6 dias até a eles se chegar sem grandes riscos.

Mesmo assim hoje, fui até lá a reboque do trator e amanhã no amendoal deve voltar-se a repetir a gracinha.

Acabo a ir para Amendoais bastante mais longe do que seria suposto, com caixas de improviso em vez de escolhidas e em datas que não eram as previstas.

É o preço de se ser apicultor.

São agora noites à Padeiro a que se seguirá um breve período de uma semana de paz e logo em seguida as hostilidades Primaverís entre mim e as Maias, com um turbilhão de trabalhos que só acalmarão lá para Junho.

Daqui em diante é “A Andar”. Tempo curto e noites mal dormidas.

Será seguramente um dos mais loucos anos no momento da enxameação/tentativas que vão ocorrer todas em simultâneo.

Prevenção de enxameação/transumância (6 000Km a passear colmeias)/alças/entregas e envios. Cheira mesmo a Primavera!

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Direto da Teta!

Há o Mimosa, o Matinal, o Gresso… e depois há o “Direto da Teta”

Neste caso…o Nosso Leite, o Nosso Requeijão, o Nosso Queijo Fresco Húmido e o Queijo Fresco Enxuto.

Ah, falta o Iogurte que também já é todo feito em casa… Assim se poupam mais de 1200 embalagens por ano e se conhece a teta de onde sai o produto. E no final não dá muito mais trabalho do que ir ao Supermercado e andar a separar embalagens.

Publicado em Uncategorized | 2 Comentários