Vandalismo

Hoje foi o dia em que me deparei com 5 colmeias vandalizadas. O caso não faz o mínimo sentido na minha opinião, pois o apiário é muito escondido, é isolado de casas, de terras aradas, de pomares. Tem uma sebe natural alta em todo o redor.

Na minha idéia o facto de lá irem dar um pontapé a algumas das colmeias, tendo o meu contacto de telémovel escrito na parede é de facto algo que demonstra vem a falta de carácter de quem o fez.

Mesmo supondo que alguma abelha tenha molestado alguém (algo que não é provável, pois ainda 2 dias atrás lá estive a espreitar no meio delas sem qualquer protecção) o que deveriam ter feito era deixar um recado, mesmo que pendurado numa árvore, afim de eu contactar o lesado.

Assim vejo-me obrigado a colocar contra-medidas caseiras, daquelas que doem no pêlo de quem lá for sem ser convidado. E nos próximos dias serão reforçadas por vigilância apertada e mais contramedidas a serem construídas assim que haja tempo.

A queixa está feita na GNR, o forte suspeito que tenho de tal ato talvez se dê bastante mal se repetir a gracinha da noite passada.

Só espero não magoar algum inocente curioso que pague pelo culpado verdadeiro.

Anúncios

Sobre abelhasdoagreste

Jovem, apicultor apaixonado e que comercializa inovação apícola.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

5 respostas a Vandalismo

  1. Bernardino da Silva Gomez diz:

    olá pessoal.
    Hoje foi verificar as minhas colmeia, pois já a três semanas que não as abria, o tempo não deixou, sempre a chover.
    Ao abrir, reparei que na meia alça que coloquei em cima do ninho, elas consumiram uma boa parte, e em vez de tornar a colocar mel a rainha encheu todo com criação. Agora em algumas colmeias tenho o ninho e a meia alça com muita criação.
    Reparei que algumas colmeias trocaram de mestra, no geral estão boas, o problema, aqui na minha zona são os agricultores, estão a colocar herbicida para matar os Saramago e outras ervas. já raparei que algumas colmeias estão a perder população. mas como eu não mando, e na nossa agricultura, cada um faz o que quer, nem vale a pena falar. porque não fazer um calendário agrícola para colocação destes produtos, pois se fossem colocados em Janeiro antes da floração não causava transtorno a ninguém. é só um desabafo.
    Relativamente ao vandalismo, Afonso cuidado, o que colocas com armadilha, não arranjes problemas, eu também na semana passada, quando foi ao pinhal reparei que algumas colmeias não tinham tampa, pensei, foi o vento, mas não porque voaram para sitio onde não as encontro.
    Abraço

  2. eusebio diz:

    boas AFONSO eu sei como se fica quando vemos as colmeias viradas á coisa de dois anos viraram me oito caixas e não foram mais porque provável mente elas não deixaram mas o pior é que naquela semana era de chuva abril aguas mil só recuperei duas com respeito as armadilhas tem muito cuidado pois tenho qui na minha zona um caso muito bicudo um apicultor meu amigo que está com as costas na justiça porque também foi vandalizado e pensando que estava a fazer uma grande coisa no caminho meteu umas tabuas com pregos que por ventura foi caçar um pastor que ficou lá pregado final da estória 1500 euros de indeminização e o juiz disse lhe que aquilo não se faz nem ao cão por isso as vezes é melhor não encontrar ninguém nos apiários porque nos de cabeça quente pode a coisa ficar quente por isso tem calma tudo se arranja um abraço

  3. Eusébio e Dino, olá!!
    Pois, infelizmente neste país é fácil ser-se malvado cobarde. Mas difícil ser-se cumpridor. Quem foi, se fosse minimamente honesto, em vez de estragar falava comigo a procurar uma solução.
    Nós temos de nos defender, e não podemos deixar que nos metam a pata no pescoço. Eu recuso-me a deixar!!! E tenho imenso bom feitio pelo que dizem outros, mas se mexem no que é meu e sobretudo se para estragar…ui ui…vira fera! Quando me roubaram os cães, só parei quando os trouxe, aos meus 6 e mais 12 roubados que lá estavam…
    Este apiário é todo fechado à volta, só tem uma entrada estreita com umas escadas e uma outra na parte de baixo mto estreita pelo meio do mato, por um carril que nem é público.
    Só está limpo porque 3 anos após o fogo eu limpei (2 dias de trabalho). Tenho as entradas fechadas com ramos afim de que ninguém se aproxime a menos de 10m das colmeias, uma sebe verde de carrasco com 2m de altura a toda a volta e uns 4m de largura. Fiz um largo mais a cima, para se um dia voltar a arder os bombeiros poderem ir lá sem medo. Fiz 1 corta fogo mais abaixo que limpo anualmente.
    Os donos não deram autorização a mais ninguém para lá pastar gado, e eu não vou de lá fugir após tanto suor, e sem estar a prejudicar ninguém.
    Quem foi, ia a comer tangerinas das pequeninas (deixaram lá duas), logo nao é alguém que vá passear o cão nem um dos BTT’s, mas sim alguém novo por ali mas que ali passa a pé regularmente e leva a bucha no aljabre (como 2+2=4…só há 1a opção)…e mais, foi ainda durante o dia, pois só deitou abaixo as que estao junto à passagem. Deu-se ao trabalho de ir dentro da casa (nao tem telhado nem porta…mas tem 4 paredes) ir dar uma patada numa colmeia. As colmeias não estão alinhadas, mas sim duas a duas ou 3 a 3 apenas 10cm levantadas do solo.
    Como é triste alguém fazer algo apenas com intuito de estragar! E sobretudo sendo alguém que vive do campo e de animais também, e que depende tanto das silvas e flores silvestres quanto eu. Bastava dizer-me e eu dava-lhe uma protecção para a cara afim de ele poder ali passar tranquilo, e se quisesse parar para os animais comerem. Eu até fico muito feliz que hajam cabras no monte, é que assim o fogo nunca anda tanto.
    Mas não me peçam para não defender com unhas e dentes o que é meu e me custa tanto suor. Se alguém descer aqueles 5 degraus a ver as colmeias ali a 3m é porque não vai a coisa boa…

  4. Bernardino da Silva Gomez diz:

    Olá Afonso.
    Tens todo a razão, em protegeres o que é teu, mas como sabes a nossa justiça tem outra opinião.
    Aqui a anos foram a minha obra, e simplesmente roubaram toda a ferramenta que existia no barraco, então para apanhar o bandido, resolvi e liguei um fio eléctrico ao cadeado, directamente a corrente que vinha da via publica. Como a obra estava vedada, com muro de dois metros de altura e portões, pensei que não havia problema.
    O pior é que o gatuno, tornou a tentar, mas desta vez ficou na ratoeira, teve que vir a ambulância, porque nessa altura ainda não havia o INEM, resultado foi responder em tribunal.
    A minha sorte foi que o individuo em causa já tinha muitos antecedentes, e o local estar vedado.
    Mesmo assim tive que pagar 500 contos, e fiquei com pena suspensa de três anos. podia ter ido para a cadeia. Por este caso, é que te aconselho à teres prudência, Como sabes nada é nosso, perante a justiça. infelizmente.

  5. É isso Dino, neste ponto axo que os Americanos são bastante mais protectores do que é seu e têm uma justiça que protege a propriedade. (Infelizmente noutras coisas não são nada evoluídos).
    O gajo tem imensa sorte de eu não ter cortiços, ou metia um cortiço pendurado e armadilhado para lhe caír em cima!! E ele que se desenrascasse…
    Passo-me da cabeça quando mexem no que é meu!!
    3 anos atrás tentaram roubar mel de um colmeia. Além de lá deixarem tudo o que levaram, só roubaram 2Q e certamente passaram 1a semana de cama, tal foi a coça que lhes calhou.

    Abraço!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s