E tudo o vento levou!

Podia ser o título do famoso filme, mas não é…

Uma Primavera esplendorosa deu lugar a um Maio muito ventoso, depois muito quente, novamente ventoso e que parece ir terminar com nova vaga de escaldão. Deitou assim básicamente por terra toda e qualquer chance de ser o excelente ano que se antevia.

Salva-se o facto de estar em modo de multiplicação de colónias, pois nem a horta resiste… Os morangueiros regados diáriamente aparentam a desidratação de um Julho, dos bróculos pouco sobra após terem sido horizontalizados por rajadas superiores a 70Km/h…e até os alhos franceses aparecem deitados pelo vento.

O que fazer?

Isto…

Fotografia0430

E daqui a dias outra fornada ainda maior! Partindo cada colmeia forte em 3…

Ao menos substitui-se tudo o que é mestra pelas minhas amadas 208, enche-se tudo o que é núcleo, colmeia, etc…onde couber uma raínha e um punhado de abelhas haverá uma.

Há que não parar…

E terminar assim a conversão a buckies.

Pedro Mendonça, olha os teus 6 alvéolos na barra de baixo…tás a praticar? 6 em 11 não é mau para 1a vez…tivemos 89 boas em 110.

Eu sei que prometi que vendia algumas vírgens em Junho, mas peço que pensem bem antes de me as pedirem, pois inserir vírgens não é pêra doce. Mas seja como for, no próximo pick farei a mais, e cumprirei com a minha palavra para os que quiserem filhas da minha 208 (fazem uma pausa de postura enorme, não são próprias para colher eucalipto), sendo excelentes abelhas de Primavera e fácil combate à varroa!

Vou fazer algumas de outra das matriarcas mais poedeiras de Inverno, e quem as quiser de zona de eucalipto peça 017!

Assim que estejam iniciadas coloco post a anunciar.

Anúncios

Sobre abelhasdoagreste

Jovem, apicultor apaixonado e que comercializa inovação apícola.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

9 respostas a E tudo o vento levou!

  1. Eduardo Gomes diz:

    Bom dia Afonso
    Como no futebol prognósticos acerca da produção de mel só no fim. Há 3 dias atrás, logo após ter aberto as gaiolas das rainhas virgens adquiridas ao John Kefuss, uma rápida inspecção a algumas das minhas colmeias em produção deixou-me satisfeito. Dentro de 3 semanas começo a cresta do rosmaninho e aí vou confirmar ou não estes sinais.

    Venho também pedir-te que me reserves 20 rainhas virgens da tua 208, para experimentar na Beira. Pelo que descreves acerca do seu comportamento no que respeita à postura e arranque julgo que se poderão adaptar bem. A minha experiência com a introdução de rainhas virgens é recente e curta. Umas semanas antes de introduzir as rainhas do Kefuss, comprei seis rainhas virgens ao João Vale para experimentar e treinar procedimentos. Ontem estive no nesse apiário a fazer trabalho variado e pude constatar que das 6 que introduzi tinha 5 em postura. Uma andorinha não faz a primavera e pode ter sido aquela sorte que protege os principiantes. Com as do Kefuss, sendo de outra “raça”, os números poderão ser completamente diferentes. Um artigo científico refere que conseguiram taxas de sucesso na ordem dos 65% na introdução de rainhas virgens. A ver vamos qual o sucesso que consigo obter.

    Acerca das rainhas virgens que estou a encomendar podes dar seguimento à conversa para o meu e-mail. Um abraço!

  2. jose figueiredo diz:

    Olá bom dia Sr. Afonso Silva, parabém pelo o excelente blogue, sou um assíduo visitante, e tenho aprendido muito. Queria se possível também que me guarda-se 3 rainhas virgens dessa linha ( 208), para introduzir uns núcleos que vou fazer mais á frente. Vou lhe enviar um email. muito obrigado. Abraço

  3. andré diz:

    porque diz que inserir rainhas virgens não é pera doce?
    Qual vai ser o custo delas?

  4. Helder Nunes diz:

    Olá Afonso, aproximando-se a epoca da cresta, aproximase tambem o tratamento contra a varroa, as minhas até estão limpinhas, mas quero fazer uns enxames de cresta e deixa-las descansadas, que tratamento te parece mais adquado para esta altura do ano com temperaturas elevadas, com acido formico tive bons resultados no inicio do ano mas agora evapora muito rapidamente, talvez o timol com azeite, mas disseram-me que deixa residuos na cera?
    Cumprimentos
    Helder Nunes

  5. Olá Hélder, sendo feito na data de cresta também o enxame, basta tirar a cria selada que houver e levá-la com o núcleo. Nas abelhas e cria aberta que fica, 30ml de oxálico a 3% ao caír da noite.
    No núcleo pode fazer o mesmo 17 dias mais tarde mas usando apenas 20ml.
    Mas fazendo núcleos de cresta desta forma e tratando nestas datas, qualquer acaricida comercial é muito eficaz, pois apanha toda a varroa no estado for ético.
    Saudações!

  6. Pedro Mendonça diz:

    Também deixaste-me as larvas mais ranhosas para o meu picking 😛 Fora de brincadeiras, para primeiro translarve em cima do joelho (literalmente!) não foi mau…da próxima terá de ser melhor!

    Por cá tenho de andar em cima das princesas para ver se regressam a casa sãs e salvas…com tanta andorinha a fazer razias aos apiários é uma aventura para mim e especialmente para elas 🙂

    Abraço,
    Pedro

  7. Ó Pedro, dá-lhes uma pistola…e elas que dêm fogo às andorinhas! lol

    Tens razão, já lá faltavam as 100 que eu tinha tirado. Pra semana nova ronda!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s