Junho!

Que se salve o Junho,

Depois de um Maio horribilis, em que secou um fluxo que mal chegou a começar, parece que o Junho se apresenta melhor. Faltando uma rega para que a soagem desperte.

Este ano parecia prometer ser algo de excelência, mas ao que parece só os Alentejanos se safaram com o rosmaninho, devido à chuvinha de Abril.

Estes são os eventos que não podemos controlar, mas tal não invalida que não possam ser minimizadas.

Como?

Ter enxames populosos e desbloqueados à entrada do fluxo, ter dado as 1as alças em cera por puxar, mas as últimas de cera puxada, e entender as abelhas, para lhes dar espaço adequado, sem exagerar.

Agora, já que não há fluxo…

é selar o que está cheio, aproveitar para desdobrar tudo o que possa. E em 4 semanas, tratar bem da saúde à varroa e alimentar sem medo uns 4 a 5 lts/colmeia ao longo do verão, permitindo aos núcleos que componham a caixa para o fluxo de outouno.

Começa em 4 semanas a preparação do ciclo Invernal.

Anúncios

Sobre abelhasdoagreste

Jovem, apicultor apaixonado e que comercializa inovação apícola.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s