Formação…estamos quase!

É já no dia 13 de Setembro que se inicia a 1a formação aqui no Agreste.

O novo armazém está a postos. O grupo de formandos também penso estar preparado. Os almoços escolhidos. E sobretudo para dia 27 esperemos que São Pedro colabore.

Assim dia 13 e 27 vamos falar, ver e sentir abelhas. Entender as bases do que rodeia a apicultura e identificar tudo o que se aprendeu indo ao campo.

Há 1a vaga apenas (caso não hajam desistências de última hora)

Assim, se houver 1 interessado, é só contactar-me para tedigoto@sapo.pt

Anúncios

Sobre abelhasdoagreste

Jovem, apicultor apaixonado e que comercializa inovação apícola.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

4 respostas a Formação…estamos quase!

  1. João Oliveira diz:

    Bom dia Afonso.

    Sigo o seu blog já algum tempo, e pelo que percebi deixou o trabalho que tinha para se dedicar inteiramente à agricultura. (não sei se percebi mal)

    Gostava de saber se me pode esclarecer uma duvida, sei que não tem nada a ver com o post mas estou um pouco apertado com o tempo.

    Tenho uns núcleos que estão algo fracos e tenho receio que não em aguentem o inverno. Por isso decidi começa-los a alimentar regularmente e em poucas quantidades de cada vez com diz a literatura. Mas a literatura também diz que se não houver um fluxo pólen a entrar na colmeia a alimentação estimulante não serve de muito, pois as abelhas não têm proteína e começam a comer as larvas!

    Também sei (pela literatura) que existem várias formas de fazer essa pasta proteica que compensa a falta de pólen, mas eu de momento não tenho tempo para comprar os ingredientes e prepara-la, a minha questão é, existem pastas destas à venda? Onde? E quanto podem custar?

    Obrigado desde já pela ajuda.

    J. Oliveira

    • Olá João!

      De facto é assim mesmo como diz. Sem proteína, nada feito!
      Mas basta haver algum pólen, que ao alimentar hidrato de carbono está a libertar campeiras para que estas o recolham.

      Não sei de que zona é, mas está a começar o fluxo da tágueda em boa parte do país.

      Pode encomendar on-line, quer no Amilcar e Morgado, Macmel ou outro a levedura de cerveja. Pronto a usar desconheço por cá.

      Ter a varroa bem tratada ajuda e muito os pequenos núcleos também.

      Saudações!

  2. João Oliveira diz:

    Boa noite Afonso

    Estou em Trás-os-Montes (terra fria), não conheço essa planta, existirá cá em cima?

    O problema é encontrar a farinha de soja…existirá nos supermercados? Como são poucos núcleos julgo que seria melhor arranjar algo já preparado. Mas estou a ver que não está fácil…se quiser farinha de soja vou ter que sair de Trás-os-Montes…

    Em relação ao seu post de hoje falou do fondant, Que alimento é esse? Usa em conjunto com a pasta proteica ou como substituto desta?

    Desculpe tantas perguntas.

    Cumprimentos,

    J.Oliveira.

  3. Olá,
    Fondant é pasta de açúcar (fondabee ou outro), e na maior parte das vezes é só o que uso pois pólen aqui só falta em Novembro, apenas em Setúbal vejo que Agosto é completamente parado. Na Terra fria não acredito que haja tágueda, mas veja na net districhia viscosa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s