De onde virá?

Hoje foi o dia de ir a Sul,

E eis que os apiários a sul do Tejo fazem a sua magia…

Estão em modo de Auto Povoamento, e Alcochete apenas falta 1 enxame para a capacidade máxima.

As alças estão a ser puxadas e cheias a bom ritmo, e ainda hoje deixei mais 10 alças onde a penas 1 mês atrás era um apiário de núcleos.

De onde virá o néctar?

Andei numa mancha de rosmaninho e nem uma abelha, andei numa manhcha de urze e nem uma abelha…parei numa mancha de soagem e nem uma abelha!! Mas que raio…de onde virá?? Se elas estão a ir mais longe em vez de andarem por perto do apiário, é certamente porque encontraram trevo ou laranjal que desconheço existir.

Aqui perto de casa, só melará dentro de mais 2as semanas, pois o mau tempo atrasou e de que maneira os enxames…e agora apesar de boa cria e cria a aumentar rápidamente, faltam as campeiras suficientes.

Vida de apicultor é assim…e estou ainda em aprendizagem a sul do Tejo. A perceber que ali tudo vem mais cedo, com mais intensidade. Mas que quando a miséria aperta, também aperta mais forte.

Anúncios

Sobre abelhasdoagreste

Jovem, apicultor apaixonado e que comercializa inovação apícola.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

2 respostas a De onde virá?

  1. Jacinto Pascual Jose diz:

    Pretendemos desenvolver projectos para producao de mel no nosso pais angola. Gostariamos de contar com o vosso apoio. Cumprimentos Jacinto

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s