Ai coração!

Hoje fui-me ao meu centro…

E o milagre está em curso!

Os apiários híbridos estão cada vez mais estáveis em termos de sangue. Já poucas são as que fervem quando lhe tiro a prancheta. Já poucas são as que correm quando encosto um quadro de cria fora da colmeia. Já poucas são más…e não sendo cordeiros, ainda assim, sem fumo nem aviso deixam-nos trabalhar.

O milagre que vos falo é o milagre da “colza do agreste”, o meu querido trevo azedo e sanguinho.

Exif_JPEG_420

As minhas lindas “Zebras raiadas” responderam de pronto à chamada. E custa-me até conter a emoção com que hoje regresso dos apiários. E tenho mesmo de fazer um esforço para falar de forma sóbria. Sobretudo porque encontrei quase todas as colmeias e núcleos apinhados e neles, e nelas…em todos eles e em todas elas…não constava uma realeira!!!

Exif_JPEG_420

Tantas dores nos dedos. Tanto suor escorrido pelo rosto. Tanto trabalho que demora anos. Eis a colheita dos frutos ao virar da esquina!

As matriarcas estão por fim quase todas reunidas! E hoje, mal termine de escrever o post, vou fazer o boletim com a avaliação final das 5 eleitas. Vou atribuir o código que cada uma dará à sua descendência…e ver como se saem como mamãs de muita gente nova.

A matriarca que hoje recolhi, esteve sem mim desde o outono. E que bela surpresa de novo!, 8 belos quadros Lusitanos de cria, e mais uma meia alça práticamente cheia. É sempre a primeira…está sempre muito à frente das outras.

Eis o Agreste num lindo dia de Primavera!!

 

Anúncios

Sobre abelhasdoagreste

Jovem, apicultor apaixonado e que comercializa inovação apícola.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Uma resposta a Ai coração!

  1. José Marques diz:

    Olá Afonso

    Você está de parabéns. Tem as abelhas pacificadas e na próxima semana vai chover torrencialmente.
    Penso no que irão fazer os apicultores na próxima época, quando for proibido fazer lume na floresta e usar aparelhos de combustão interna e externa. Leiam a Lei e pensem nas alternativas ao fumigador. Será que a técnica mais milenar da apicultura chegou ao fim ?
    A ver vamos !

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s